Estacas tipo Hélice Contínua

 

Perfuração

A perfuração consiste em cravar a Hélice no terreno, atua como força vertical o próprio peso da Hélice com o solo nele contido, perfurando até a cota determinada em projeto. A haste de perfuração é composta por uma Hélice espiral desenvolvida em torno de um tubo central, equipada com vidia em sua extremidade que possibilita seu avanço. Para impedir a entrada de solo no tubo central durante a execução da estaca, é colocada uma tampa de proteção, geralmente recuperável, que é expulsa pelo concreto no inicio da concretagem.

 

Concretagem

O concreto é bombeado através do tubo central, preenchido a cavidade ao mesmo tempo em que a hélice é retirada sem girar, ou em giro lento no mesmo sentido da perfuração. A velocidade de extração está relacionada com a pressão e o sobre consumo de concreto, de forma que não haja vazios entre a retirada da Hélice e seu preenchimento com concreto, evitando-se possíveis estrangulamentos ou seccionais do fuste da estaca.

 

Instalação da Armadura

A armação em forma de gaiola é introduzida na estaca por gravidade ou com o auxilio de um pilão de pequena carga ou vibrador. As gaiolas devem ser constituídas de barras grossas, estribo helicoidal saldado (ponteado) nas barras longitudinais e a extremidade inferior levemente afunilada, para facilitar e evitar a deformação durante a introdução no concreto. A armação é centralizada no furo por meio de espaçadores tipo pastilha ou roletes para garantir o recobrimento mínimo necessário.

 

São Paulo

 Tel.    (11)    4742-2713

Nextel. (11) 9.4766-8747